Qual a diferença de site e blog (ou não existe diferença?)

Você precisa saber a diferença entre site e blog. Afinal de contas, muitas pessoas confundem esses conceitos. Não seja uma delas.

Muitas pessoas se confundem e não sabem muito bem a diferença entre site e blog. Outras afirmam não haver diferença entre eles e serem o mesmo. Hoje decidimos dar o veredito e explicar, de uma vez por todas, se há diferença entre site e blog e, se houver, quais essas diferenças.

O que é um site?

Um site é um conjunto de páginas da internet conectadas em um mesmo domínio que podem ser acessadas, em sua maioria, livremente. Em resumo, é composto por imagens, textos, vídeos, links e outros itens multimídia. 

Os sites são criados e projetados para serem uma central de conteúdos, abrangentes ou não, sobre determinado tema, empresas ou profissional. 

São desenvolvidos via linguagens de marcação, estilização e programação, como HTML, CSS, JavaScript e PHP, estando hospedados em servidores online que permitem a visualização por qualquer um que tiver o endereço correspondente.

Diferentes tipos de site

Para facilitar o entendimento do que é um site, mostramos abaixo os diferentes tipos. Porém, essa lista é ainda a ponta do iceberg, por existirem inúmeros sites de nichos e contextos diferentes:

  • Sites institucionais ou corporativos: são aqueles que mostram informações de serviços ou produtos oferecidos por empresas. Normalmente, nesses sites são destacadas a história da companhia e as possíveis formas de entrar em contato.
  • Lojas virtuais: sites projetados para divulgar produtos e oferecer a compra deles por meio de pagamento virtual. Pode ou não estar integrado a blogs que falem sobre o produto.
  • Portfólio: com o foco de divulgar produtos ou serviços de um profissional, o portfólio atua como um argumento de venda para possíveis projetos.
  • Fóruns: sites focados na interatividade entre membros. Normalmente são vinculados a tópicos e temas nichados.
  • ONGS: parecidos com os sites corporativos, com a diferença de serem projetados para organizações sem fins lucrativos. 
  • Wikis: sites colaborativos que permitem aos usuários criarem e organizarem coletivamente conteúdos vinculados a diversos temas. A Wikipédia é o site Wiki mais conhecido do mundo, por exemplo.

Há ainda quem faça a distinção de site estático e site dinâmico. Já escrevemos um conteúdo a respeito. Recomendamos a leitura.

O que é um blog?

Um blog é um tipo de site onde as pessoas escrevem e compartilham informações, histórias, opiniões ou qualquer conteúdo que desejem, geralmente organizado em ordem cronológica inversa.

Os blogs, inicialmente usados mais por escritores e jornalistas, hoje abrange toda a internet como forma de criação de presença online capaz de converter leitores em clientes.

Existe diferença entre site e blog?

existe diferença entre site e blog?

Sim, existe uma diferença entre site e um blog. Embora ambos sejam tipos de plataformas online, eles têm propósitos e características distintas.

Um site é uma coleção de páginas da web interconectadas que podem conter informações estáticas, como informações sobre uma empresa, produtos, serviços, informações de contato, etc. Portanto, um site pode ser usado para diversos fins, como apresentar uma empresa, vender produtos, fornecer informações educacionais, entre outros. Os sites geralmente possuem uma estrutura fixa e os conteúdos são atualizados com menos frequência.

Por outro lado, um blog é uma seção de um site ou uma plataforma separada que permite a publicação regular de artigos, posts ou entradas de diário. O blog é geralmente atualizado com mais frequência, com novos conteúdos sendo adicionados em ordem cronológica inversa. Os blogs são usados para compartilhar opiniões, experiências, conhecimentos especializados ou qualquer outro tipo de conteúdo relevante para o autor e seu público-alvo. Eles também permitem interação com os leitores por meio de recursos de comentários.

Em resumo, um blog é um tipo específico de conteúdo dentro de um site que se concentra na publicação regular e cronológica de artigos, enquanto um site pode abranger uma variedade de páginas estáticas e dinâmicas com diferentes finalidades.

As principais diferenças entre site e blog

Falaremos sobre as principais diferenças entre site e blog. Note que essas diferenças dependem também do nível de complexidade de determinado site ou blog, visto que há sites estáticos complexos e blogs muito simples.

Intervalo de atualizações

Sites são dificilmente atualizados, a não ser para inserirem informações institucionais mais recentes sobre determinada empresa ou personalização de layout. Normalmente, marcas que utilizam sites estáticos ao invés de blog possuem mais presença nas redes sociais, embora não seja uma regra. 

Blogs possuem atualizações frequentes devido aos posts lançados. Esse blog, por exemplo, possui novos conteúdos há cerca de cada semana. Essa frequência é necessária para o Google possuir mais referências sobre o nosso conteúdo e gere mais oportunidades do Hospedagem de Sites ser descoberto por outros leitores.

Tipo de comunicação

A comunicação de um site tende a ser mais voltada para informações institucionais. Ou seja, aquelas relevantes para o posicionamento de uma empresa e para reconhecimento dela, como: visão, missão, equipe, portfólio e contato, não havendo alterações frequentes. 

O tipo de comunicação de um blog é mais pessoal, tanto pela frequência, quanto pelo tom do conteúdo mais conversacional, algo que aproxima bastante os visitantes, os fazendo interagir via comentários. É comum, por exemplo, ter um destaque para o autor da publicação, gerando um vínculo mais humano.

Objetivos diferentes

O objetivo de um site é, na maioria das vezes, oferecer a simples presença de informações e de uma empresa na internet. É o local em que estão situadas as informações “oficiais”.

Por outro lado, blogs podem possuir diversos objetivos, como: 

  • Gerar engajamento.
  • Capturar e-mails. 
  • Criar autoridade pelo compartilhamento de conteúdo de qualidade.
  • Geração de tráfego orgânico por SEO.
  • Desenvolvimento de comunidade sobre determinado tema.

Estrutura

A estrutura de um site tende a ser simples com uma página inicial, poucas páginas internas e uma de contato. Há também exceções. Sites que inserem todas as informações em apenas uma página, chamados de “One Page” ou “Sites de página única”.

Blogs possuem a estrutura um pouco mais complexa devido às publicações. Com elas, é necessário haver tags, categorias, comentários e todo um sistema por trás para gerenciar os posts. Essa estrutura é chamada de CMS, sigla para Content Management System (sistema de gestão de conteúdo). O WordPress, por exemplo, o CMS web mais conhecido.

Valor para ser criado e mantido

Enquanto um site precisa de apenas registro de domínio (R$40 por ano) no Registro.br e hospedagem (R$13 por mês na Hostinger) e o custo do tema (existem inúmeros gratuitos) ou webdesigner, um blog, além dos custos já citados, talvez exija com a contratação de plugins profissionais, ferramentas de marketing e profissionais do design e redação.

Não há como estipular valores precisos, mas manter um blog pode ser tanto barato, considerando R$13 por mês de hospedagem, quanto acima de R$500 mensais, a depender do nível de investimento ou de equipe focada nele. Blogs maiores possuem investimentos maiores de R$2000, mas com retorno significativo sobre o conteúdo, claro.

O que é melhor: ter um site ou ter um blog?

diferenca entre site ou blog qual escolher

Depende muito dos seus objetivos e tempo para dedicar à criação de conteúdo. Para facilitar a decisão, listamos em quais situações é interessante ter um ou outro:

Um site é melhor para

  • Ter uma página digital, mesmo que mínima, para centralizar as informações da sua marca para possíveis clientes, oferecendo contexto de seus produtos, serviços e empresa.
  • Desenvolver um e-commerce para vender produtos ou serviços online, com recursos nativos como carrinho de compras, pagamentos e gerenciamento de estoque.
  • Divulgar seu trabalho por um portfólio estático elencando suas melhores criações para mostrar a novos clientes.
  • Mostrar profissionalismo, quando pesquisarem a seu respeito na internet.
  • Servir de currículo com informações valiosas para servir de argumento em processos seletivos de empresas ou clientes.

Mas não tenha um site se

  • Dificilmente for utilizado para algum objetivo bem definido. 
  • Não puder atualizar as informações quando necessário, como dados de contato ou informações de produtos.

Um blog é melhor para

  • Criação de conteúdo frequente e regular. 
  • Receber interação e engajamento do que é criado por você. 
  • Construção de uma audiência para convertê-la em clientes através do seu conteúdo.
  • Posicionar sua marca ou você como autoridade no mercado.
  • Ter uma melhor integração com as redes sociais.

Mas não tenha um blog se

  • Não tiver tempo suficiente para mantê-lo com publicações frequentes, respostas a leitores e atualizações internas da plataforma. 
  • Possuir impaciência em relação ao tempo de maturação para o Google confiar no seu conteúdo e mostrar suas páginas para outras pessoas. É possível que, se bem estruturado, um blog demore até 6 meses para começar a receber visitantes regulares.

Lembre-se também que é plenamente possível começar sua presença na internet com um site simples e depois vincular um blog a ele, aumentando gradativamente seu tempo investido a ele, bem como o tráfego orgânico.

Conclusão: diferença entre site e blog

No artigo de hoje mostramos as principais diferentes entre site e blog. Além disso, também destacamos o porquê de muitas pessoas não acharem que os conceitos são tão diferentes assim. 

Esperamos que após a leitura desse conteúdo, as diferenças tenham sido bem destacadas e que tenha sido fácil para você compreendê-las. Se foi, nos avise na caixa de comentários abaixo. Será maravilhoso saber o que tem a dizer. 

Obrigado por ler o conteúdo até o final. Um forte abraço! Nos vemos no próximo conteúdo.

-

-

-

-

*Consulte condições no site

Hospedagem com até

-70

+ 3 Meses Grátis