Garantia de Uptime: Aprenda como funciona

hospedagem de sites uptime

O termo garantia uptime está sempre presente nos anúncios e páginas que vendem hospedagem de site, mas a grande maioria dos consumidores nem sabem o que é uptime e para que ele serve. Na matéria de hoje além de explicar o que é uptime, vou dar uma dica bacana para você monitorar o uptime do seu site.

A primeira coisa a ser feita é ler minuciosamente os termos do contrato celebrado junto a hospedagem de site para conhecer seus direitos em caso de falha no cumprimento da garantia de uptime prometida pela empresa.

É importante ressaltar que se o site ficar offline for por sua culpa (ao instalar um novo plugin, fazer alterações de maneira incorreta e etc.), a garantia de uptime não vai cobrir. O tempo de atividade do servidor não é prejudicado por falhas causadas pelo cliente ao configurar incorretamente o site.

O que é uptime?

Uptime é o tempo que o servidor permanece em atividade, ou seja, o tempo que ele permanece em pleno funcionamento. A garantia de uptime oferecida pelas empresas de hospedagem de sites serve como um parâmetro de garantia para definir o tempo mínimo de funcionamento do serviço de hospedagem.

Em tradução literal do inglês uptime quer dizer “tempo de atividade”, é a quantidade de tempo que um sistema ou equipamento está ligado e desempenhando suas atividades sem sofrer interrupções.

O oposto é downtime, que se refere ao tempo em que o sistema ou equipamento permanece não operacional, impedido de realizar as atividades para que fora projetado.

Como funciona a garantia de uptime

Agora que você entendeu o que é uptime precisa ficar atento ao funcionamento da garantia de uptime para certificar-se que a empresa está cumprindo o que lhe foi prometido no momento da contratação do serviço.

A grande maioria das empresas oferecem serviços de hospedagem compartilhada com garantia de uptime de 99,9%. Isso significa que em apenas 0,1% do tempo o serviço poderá ficar indisponível durante o ano.

No exemplo citado o site poderia ficar no máximo 8 horas e 45 minutos indisponível por ano devido a problemas no servidor de hospedagem de sites.

Caso esteja previsto em contrato, você pode ter direito a compensação se o site ficar indisponível por tempo maior que o prometido na garantia de uptime.

Os serviços de hospedagem geralmente não contabilizam o tempo em que o servidor é desligado para manutenções programadas e muito menos o tempo em que o site fica offline por causa de erros causados pela utilização indevida do servidor ou site.

Monitorando o uptime do site gratuitamente

Eu gostaria de compartilhar com vocês uma dica muito interessante que todas as pessoas deveriam conhecer. Existe um serviço grátis que permite monitorar o uptime da hospedagem de sites.

monitorar uptime de site

E caso você esteja disposto a pagar, poderá receber por mensagem SMS informações relacionadas quedas do servidor ou site. Essa dica é bastante interessante porque você pode monitorar continuamente seu site e garantir que ele esteja sempre online, em pleno funcionamento.

Digamos que depois de uma atualização automática do WordPress seu site ficou indisponível ou até por causa de algum problema com seu servidor de hospedagem, neste caso você seria avisado quase que imediatamente do problema e poderia agir rapidamente para corrigir o erro.

Essa ferramenta de monitoramento de uptime é uma importante aliada para garantir o funcionamento do seu site ou sistema. É possível monitorar sites, serviços e até criar algum tipo de monitoramento personalizado, basta usar sua imaginação.

Existe 100% de Uptime?

A resposta é não! É praticamente impossível em uma hospedagem compartilhada (mais comum entre todas) um site permanecer 100% do tempo em pleno funcionamento. Existem muitos fatores envolvidos. Até mesmos fatores externos, que estão além do controle das empresas de hospedagens, que podem deixar seu site offline.

O único tipo de hospedagem que, em tese, pode garantir 100% de uptime são os do tipo cloud. Nela o serviço é decentralizado, sendo assim, em caso de algum problema, existem outras máquinas que podem servir o site sem nenhuma interrupção. Apesar disto, elas também estão sujeitas a falhas, como ocorreu com os serviços da Amazon e derrubou por horas (até dias) dezenas de sites e serviços ao redor do mundo.

Seus direitos como consumidor

É preciso ficar atento a seus direitos para exigir que eles sejam cumpridos a rigor do que foi acordado com a empresa. É o contrato que rege a relação entre você e a empresa de hospedagem. Por esse motivo é importante ler minuciosamente o contrato e entender o funcionamento da garantia de uptime.

Muitas empresas de hospedagem de sites preveem algum tipo de compensação ou reembolso em caso de problemas com o serviço de hospedagem. Isso significa que se o serviço ficar um tempo maior que o tolerado pela garantia de uptime você tem direito a compensação.

Obviamente, isso deve estar previsto em contrato e você deve ficar atento a todos os termos e requisitos para o cumprimento desta clausula contratual.

Não se esqueça de tirar todas as dúvidas junto a empresa de hospedagem caso você esteja com alguma dúvida em relação ao contrato celebrado entre as partes.

Para conhecer o uptime prometido pelas empresas de hospedagem confira o ranking da melhor hospedagem de sites. Além do uptime, você encontra várias informações que ajudam a escolher o melhor serviço para seu site.

*Condições no site